A Aids não tem idade

Chupar bala com papel? Uma expressão por muito tempo usada e que hoje define como o uso do preservativo era encarado. Muitos desta geração ainda encaram a camisinha com reservas, talvez por isso o número de pessoas acima dos 50 anos que estão vivendo com HIV/Aids dobrou entre 1996 e 2006. Fato que aliado a falta de informação é determinante para a vulnerabilidade da melhor idade. Prevenção e informação é o melhor opção. Dê um Click para a Saúde. Mais um vídeo elaborado pelo Projeto Bem-Me-Quer.

Moderador: Projeto Bem-Me-Quer

  • Tópicos
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Regressar ao índice do fórum

Quem está online

Usuários neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante

Permissões do fórum

Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido

cron